Tem mais fotos no meu Flickr, clique aqui, para ver.

Ultimo dia de viagem, voltamos para o Uruguai. Como Colonia era o meio do caminho obrigatório para quem volta a Montevideo, chegamos, conhecemos a cidade e depois voltamos.

Meu namorado tinha um comentário a fazer sobre Colonia, mas tem uma foto que representa bem:

*cri, cri, cri*

(eu sei que não é um grilo, mas não podia perder a piada com esse bicho que pousou no braço dele, enquanto esperávamos as malas, no terminal de lá!)

Novamente trocamos as passagens 2 vezes (antes de ir e depois de chegar lá). Assim, eu já sabia que Colonia era tipo Paraty. Fui sabendo. Ela é lindinha, claro, mas não tem muito o que fazer também. Nos apaixonamos por Buenos Aires, não tinha como se deslumbrar com ruínas, mato e mais brasileiros. Também é possível que seja porque era nosso ultimo dia de exploração e já estávamos completamente exaustos, sem vontade alguma de andar, ainda mais a toa.

Programei tudo para passar meu aniversário lá. Não vou dizer que me arrependo, mas preferia ter ficado em BA, que era muito mais a minha “praia”.

Em Colonia é o mesmo esquema de Punta, cidade que vive exclusivamente de turismo, então tudo é para caçar turistas. Restaurantes, atrações, tudo.

Quem chega de ônibus (de Montevideo) ou de barco (Buenos Aires), vai ficar no porto que tem o terminal Buquebus.

Em Colonia tem outro Farol, a Basílica del Santísimo Sacramento, o Paseo del Sol, o Bastión de San Miguel, o Puerto de Yates e, claro, a rua mais famosa: Calle de los Suspiros (fala caxe). Foram os pontos de interesse que marquei no meu roteiro.

Tudo é realmente meio Paraty, então não tenho muito o que dizer. Visual bonito, mas coisas velhas e muito turista.

Especialmente no Farol, onde eu me questionei sobre estar ali turistando, numa fila, esperando para subir nele. Mas depois que cheguei no topo (e dei uma cabeçada que fez barulho e todo mundo olhou), me dei conta de que valia a pena. Ver a cidade toda de cima, é muito legal!

 

 

 

 

 

 

 

Disqus

casadocecasa

Wordpress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *