*Já adianto que o título desse post é uma brincadeira, que no final você vai entender…

Bom, esse fim de semana foi de arrumação, por aqui. Todo ano costumo fazer isso, mais lá pro meio de dezembro. Mas aconteceu de uma gaveta cair. Tive que reorganizar as roupas e muitas outras coisas, por conta disso.

Uma ou duas vezes no ano, eu tiro boa parte das coisas do armário e analiso se ainda uso ou preciso daquela peça. Sempre tenho a mania de guardar porque “pode ter alguma utilidade no futuro” e nessa, acumulo um monte de coisas inúteis. Dezembro é quando elas ganham um rumo na vida.

Já não tenho mais roupa para me desfazer já que a outra arrumação aconteceu em maio. Mas tenho um monte de pequenas coisas: de fotos de revista à pedaços de madeira. O que me faz acreditar cada vez mais que preciso de um ateliê para me espalhar melhor…

Então, dessa bagunça toda, tiro algumas lições:

 

1. Não precisamos de metade das coisas que temos

SEMPRE que estou arrumando eu tenho em mente uma coisa: se eu fosse nômade e precisasse carregar tudo que tenho em poucas caixas em um carro, eu conseguiria? E tento chegar o mais perto possível. Parece loucura (e talvez seja), mas pensar dessa forma me ajuda a reduzir ao essencial.

2. Espaços organizados ajudam a (minha) mente

Como disse, tendo a acumular. E isso começa a me dar uma sensação de sufocamento. Ver muitas coisas juntas me deixa estressada. Eu gosto de ver os espaços respirando, com áreas livres e poucos objetos aparentes. Mas isso é meu, tem gente que para se inspirar, prefere ver aquela montanha de objetos. Eu perco a inspiração. Curioso como cada um funciona, né?

3. Abrimos lugar para o novo

Toda vez que vou jogar as coisas inúteis fora minha mãe me pergunta o por quê disso e diz que depois eu posso precisar. E minha resposta é: “se eu precisar, arrumo outro. Agora estou abrindo espaço para coisas novas e isso é muito mais importante do que acumular coisas velhas.”
Se a gente fica acumulando energia velha, não evoluímos.

4. Você se redescobre

Pode ser encontrando uma roupa que adorava, mas por algum motivo parou de usá-la. (Engordou? Aqui entram as promessas de ano novo.)
Pode ser encontrando um objeto que fez há mais de 6 anos, que foi o meu caso. E que surpresa boa!
Adorei esse reencontro. Lembrei dos traços e cores que eu amava fazer e usar na época, e isso até me inspirou para um projetinho… Claro que a garrafa voltou a ver luz e agora enfeita minha mesa, me lembrando o quanto eu era criativa e colorida! ♥ (E adorava a Absolut, enquanto marca / conceito.)

 

 

Minha dica é: Faça uma boa arrumação! 

Além de se surpreender, você libera espaço para a energia nova. E mais importante de tudo, ajuda uma pessoa, doando o que não quer mais. (Isso também é energia positiva que você dá e retorna pra você, só fazendo bem!)

INSCREVA-SE AQUI PARA RECEBER AS NOVIDADES E PRESENTES EXCLUSIVOS DA CASA!

 

SEU EMAIL
SEU NOME

 

(function($) {window.fnames = new Array(); window.ftypes = new Array();fnames[0]=’EMAIL’;ftypes[0]=’email’;fnames[1]=’FNAME’;ftypes[1]=’text’; /**
* Translated default messages for the $ validation plugin.
* Locale: PT_PT
*/
$.extend($.validator.messages, {
required: “Campo de preenchimento obrigatório.”,
remote: “Por favor, corrija este campo.”,
email: “Por favor, introduza um endereço eletrónico válido.”,
url: “Por favor, introduza um URL válido.”,
date: “Por favor, introduza uma data válida.”,
dateISO: “Por favor, introduza uma data válida (ISO).”,
number: “Por favor, introduza um número válido.”,
digits: “Por favor, introduza apenas dígitos.”,
creditcard: “Por favor, introduza um número de cartão de crédito válido.”,
equalTo: “Por favor, introduza de novo o mesmo valor.”,
accept: “Por favor, introduza um ficheiro com uma extensão válida.”,
maxlength: $.validator.format(“Por favor, não introduza mais do que {0} caracteres.”),
minlength: $.validator.format(“Por favor, introduza pelo menos {0} caracteres.”),
rangelength: $.validator.format(“Por favor, introduza entre {0} e {1} caracteres.”),
range: $.validator.format(“Por favor, introduza um valor entre {0} e {1}.”),
max: $.validator.format(“Por favor, introduza um valor menor ou igual a {0}.”),
min: $.validator.format(“Por favor, introduza um valor maior ou igual a {0}.”)
});}(jQuery));var $mcj = jQuery.noConflict(true);

Disqus

casadocecasa

Wordpress

2 respostas para “Arrumação anual do armário e suas 4 lições absolutas”

  1. Eu sei que você entende exatamente o que eu digo! hehe abrir espaço para o novo e tirar o peso das coisas das costas é uma sensação tão maravilhosa, que todos deveriam experimentar, né?
    E obrigada! 😀
    Um beijo, querida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *