Terça passada (15/08) teve encontro de blogueiras no evento anual Morar Mais Rio. Fui em 2016 e você pode conferir aqui (Mostra Morar Mais por menos 2016 – Rio). Esse ano, mais uma vez, aproveitei o passeio pela mostra pra admirar os belos espaços criados por arquitetos talentosíssimos, mas também pra observar as inspirações e soluções diy criadas por eles, claro! Aqui a gente flerta com a decor, mas o foco mesmo é o diy!

Então, vem comigo ver tudo o que eu achei por lá que dá pra gente tentar fazer em casa.

 

Luminária de cano de cobre

Eu não poderia começar a lista com outro objeto que não um de cobre, não é mesmo?! Mas confesso que não sei se essa é exatamente diy. Como poderia, perfeitamente, ser, está aqui. Afinal, você só precisa de alguns pedaços de cano, 6 joelhos, 2 Ts, fio e um soquete, pra fazer essa belezura.

Agora, eu ACHO que ela não foi feita de cano de cobre e sim de metal ou até plástico, porque o cobre real não se mantém brilhoso e rosado assim (mesmo passando verniz). Bom, pelo menos eu nunca consegui com esse verniz que a gente conhece… Acho que essa peça foi montada e levou uma cromagem rose gold de acabamento. 

EDIT: acabei de descobrir que ela foi feita em cobre, sim! E brilha porque tem um verniz poderoso. É de um site maravilindo, pelo qual eu estou babando até agora. Eles vendem vários objetos em cobre e ainda por um precinho bem justo. Se você curte, passa lá pra conferir: www.artesanatoemcobre.com.br (e isso não é públi, só uma forma de valorizar um trabalho tão lindo e merecedor de créditos!)

(Estúdio do Artista | Ana Cano Milman e Erica Saraiva)

 

Tampinhas de garrafa como tapete

Esse espaço foi criado pensando nas casas de verdade, com memórias afetivas e baixo custo… Eu amei essa ideia, apesar de ter medo de coisas assim, fixas, porque do nada eu mudo de ideia e seria um transtorno tirar. Mas diz se não fica uma graça esse detalhe que é repleto de memórias?! Pra quem bebe cerveja, claro. Fora que tem o charme, mas não tem um tapete de verdade, o que é ótimo pra alérgicos tipo eu.

(Sala Suburbano Coração | Janete Oldemburg)

 

Nosso bom e velho pote de margarina e latas de leite condensado pra plantas

 

Não sei se foi algo comum pra você, mas durante a minha infancia frequentei várias casas que tinham. Hoje a gente usa outros potes, como essas latas da Moça que já vem com essa estampa linda impressa!

(Sala Suburbano Coração | Janete Oldemburg)

 

Vasinho químico

Falando em potes, nesse espaço tinha um becker (acho que é isso) servindo de vasinho. É o que eu sempre digo, olhar as coisas com outros olhos e dar nova serventia pra elas. O inusitado ainda tem mais charme!

(Estar com Cozinha Integrada da Designer | Regina Prior, Bianca Prior e Hannah Brauer)

 

Fruteira de peças reaproveitadas

Eu não sei bem o que poderia ser isso, mas quando bati o olho achei que era um diy reaproveitando alguma coisa. Talvez seja uma peça exclusiva e assinada, mas tem bem cara de diy, sim, não acha?! Por isso que ela entrou pra lista. (Procure por @cenourasfrescas no instagram e veja uma fruteira feita de tampa de ventilador que eles fizeram. Me lembrou, de cara!)

(Estúdio do Músico | Livia Quintella)

 

Adega de bloco de concreto

Mais industrial que isso, impossível. Mais barato e fácil de fazer, também. Blocos de concreto são super versáteis e ficou uma graça nesse cantinho.

(Sala Multifuncional da Família | Cyntia Sabat)

 

Divisória de cordas

Esse espaço foi o meu preferido e quando as arquitetas contaram que foi inspirado numa mulher criativa que tem seu escritório em casa, entendi porque gostei tanto! Era um espaço que eu teria, muito facilmente!!! Tem peças high end, mas tem diy assumido, como essa divisória que elas fizeram usando corda e restos de madeira da própria obra. Em algumas adicionaram fios com soquetes, e pronto, uma luminária! Lindo, lindo.

(Sala da Empreendedora | Jeanny Machado e Rachel Reis, Studio Prima)

 

Pranchetas de moldura

Outro detalhe do mesmo ambiente são essas pranchetas de doação que foram pintadas de dourado. É só pegar várias iguais e terminar colocando imagens bem legais. O efeito fica lindo! Ah! E se não tiver por aí, tudo bem, você encontra em papelarias por menos de R$10 cada. Bem mais em conta que molduras de verdade…

(Sala da Empreendedora | Jeanny Machado e Rachel Reis, Studio Prima)

 

Suporte de vela e peça geométrica

O suporte é bem fácil e até eu estou com vontade de fazer um. Duas placas de madeira, sendo que em uma delas você faz um buraco pra encaixar a vela ou até uma planta aérea.

Já o geometrico é feito com canudinhos de papel dourado. Eu já fiz um (só que preto) e você pode conferir, clicando aqui: DIY pendente geométrico de canudinho.

Esse quarto é todo lindo e é outro ambiente que eu gostaria de chamar de meu!

(Quarto do Casal Flow | Camila Fleck)

 

Pendentes pra todos os gostos!

Colheres de plástico com spray preto fosco e uma cordinha com um tassel. Um efeito lindo e super baixo custo. Mas se fizer, lembra de usar uma lâmpada de led, sempre!!! Esse plástico da colher não é feito pra altas temperaturas e pode pegar fogo.

(Estar com Cozinha Integrada da Designer | Regina Prior, Bianca Prior e Hannah Brauer)

(Recepção Galeria Industrial – Bilheteria| Luciana Duque, Mauricio Atie e Tereza Costa)

(Loja O Galpão | Thiago Barrientos)

(Sala Multifuncional da Família | Cyntia Sabat)

Tem tambor, tem cestos de palha e tem, especialmente uma grade de arame retorcida! Essa eu amei porque fica com ares de objeto assinado, coisa de arte contemporânea… e você faz com poucos R$.

 

Aproveitando, quero agradecer às marcas que nos deram um monte de mimos e à Cinthia, pelo convite. 🙂 Também quero te dizer que vale super a pena visitar a mostra. Está impecável!

 

Morar Mais Rio 2017

 

CasaShopping – Av. Ayrton Senna, 2.150, bloco I – Barra da Tijuca

09 de agosto a 17 de setembro

Ingressos aqui

Disqus

casadocecasa

Wordpress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *