No vídeo de hoje, lá no canal, a gente conversa um pouco sobre excelência x perfeição e como isso pode nos afetar. Se você é do tipo de pessoa que deixa de fazer algo porque acha que ainda não está pronta ou fica se auto-criticando em relação a tudo que faz, te convido a assistir! Mas vou fazer um resumo do que falo.

 

 

Ao invés de buscar a perfeição, procurar pela excelência é muito melhor.

Acontece que a perfeição é uma comparação. Ou com outra pessoa (o que é péssimo de se fazer, porque você não tem a mesma bagagem que ela tem), ou com quem você gostaria de ser, que te faz esperar sempre o momento certo, quando todo o universo conspirar a seu favor e você juntar todo o conhecimento, ferramentas e recursos pra fazer aquela “melhor coisa do mundo”.

Só que me desculpa, mas você nunca vai ter isso tudo.

E no final das contas, a perfeição é um julgamento nosso, e só nosso. E isso é bem relativo. Porque se você encontra uma pessoa ainda mais exigente, o que você acha perfeito, pra ela pode não ser! E aí? A tal coisa ainda é perfeita ou já não mais?

Então será que você consegue enxergar o perigo enorme que tem em tentar ser perfeita o tempo todo e com tudo o que se faz?

Por outro lado, existe a excelência. Ter consciência de que não está 100%, mas que essa imperfeição faz parte do processo de se aprimorar no caminho. Se colocar em movimento, ir fazendo enquanto aperfeiçoa.

Excelência é isso: o melhor que eu posso fazer nesse momento, com os recursos que tenho em mãos. Se estou dando o meu melhor, não tem como ser ruim! E mesmo que não seja o que eu gostaria que fosse, tudo bem, vou melhorando no caminho. Afinal, aquela máxima é bem verdade: antes feito que perfeito.

Então, me conta aqui se você concorda comigo se a excelência não é melhor que a perfeição. 😉

 

Disqus

casadocecasa

Wordpress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *