Na semana passada te mostrei como fazer um planner com cartonagem (Planner tipo fichário no formato A5). Hoje vou te mostrar como fazer outro modelo! Agora no formato personal (17 x 9,5cm) e em couro!

 

 

A ideia geral é a mesma: encapar papel com tecido. Mas dessa vez o formato da lombada é diferente. Assim como o fechamento e os bolsos internos. Esse é um pouco mais complexo, mas um modelo bem completo e super parecido com os de papelaria!

E se você não é familiarizada com esse universo, o formato personal é comum entre os planner lovers do mercado porque é usado pela marca Filofax, que existe desde 1921. Outras empresas adotam o padrão série A (A4, A5, A6). E personal não é A6! O A6 tem 14,8 x 10,5cm, enquanto o personal mede 17,1 x 9,5cm.

Então, por que eu fiz exatamente nesse formato?! Por causa da ferragem que veio no porta cartões. 😉

E pra você ter uma ideia, um planner de marca custa entre R$230 e R350. Eu gastei R$50 pra fazer esse. E eu escolhi fazer de couro de verdade, pra poder durar bastante tempo. (No aliexpress vende uns por esse mesmo valor, mas de couro sintético que, com alguns meses, sabemos que vai descascar…)

Bom, como eu disse no primeiro post, depois de testar algumas opções, eu achei essa a melhor forma de me organizar. E a graça de usar um planner fichário é poder reutilizar, e reordenar pra aproveitar páginas que não foram usadas. Se você curte também, vem cá ver como produzir sua agenda personalizada!

 

MATERIAL

  • fichário para cartões de visita (eu usei esse) OU uma ferragem da sua preferência
  • 2 folhas de papel 180g com 27 x 18cm
  • 2 tiras de papel 180g de 18 x 8cm
  • 2 tiras de papel 180g de 14 x 8cm
  • 1 tira de papel 180g de 8 x 8 cm
  • 1 tira de 10 x 2,5cm
  • cola branca (pva) extra forte
  • cola de contato ou de silicone ou universal
  • pincel
  • rolinho
  • tecido de algodão pra encapar todos as tiras de papel e 1 das folhas
  • um pedaço de couro para encapar a outra folha
  • 6cm de elástico
  • régua
  • estilete e tesoura
  • espátula ou cartão de crédito
  • fita crepe
  • botão de pressão de metal
  • alicate (pra tirar os rebites e separar a ferragem da capa original)
  • um pedaço de EVA pra fazer os vincos
  • agulhão ou lapiseira
  • 2 rebites de 5/32 (ou os próprios para scrapbooking)
  • rebitadeira

 

Algumas pequenas observações:

– eu queria costurar toda a borda pra ele ficar ainda mais parecido com os de papelaria, mas minha máquina caseira não aguenta tanto tecido junto (ainda mais couro!) e não consegui fazer sair do lugar, por isso não costurei e acabei tendo que colar a tirinha de fechamento da forma que fiz.

– O elástico ficaria melhor se eu tivesse prendido na direção da aba de fechamento. Descobri isso com o uso.

– Depois de editado, percebi que não ficou claro como colei o papel com tecido no papel com couro. Poderia ser com cola branca, mas eu usei o adesivo universal porque acho mais resistente e ainda é maleável por uns segundinhos depois de encostar as partes. Acho que o ideal mesmo era usar cola de contato (cola de sapateiro), mas como as peças ficaram muito do mesmo tamanho, fiquei com medo de casar errado e ficar uma parte torta pra fora da capa, já que depois que junta, nada mais desgruda.

E aqui embaixo Você vai poder ver a playlist completa com todos os vídeos sobre planner. Em um deles te ensino como aplicar o botão de pressão em casa, sem balancim. Agora dá o play no vídeo e vem ver o passo a passo!

 

 

E bom, se você é como eu e adora a ideia do bullet journal, mas se sente frustrada quando vê suas páginas sem graça, comparadas àquelas lindamente decoradas espalhadas pelo pinterest, eis a solução: fiz um planner super completo pra você imprimir e usar da forma que quiser! Eu chamei de Planner Vida dos Sonhos porque dá pra monitorar várias áreas e organizá-las em prol dos seus sonhos. Te explico tudo nessa página especial pra ele: clica aqui!

 

 

*O planner é pago porque foi um material bastante complexo de idealizar e produzir. E como explico lá na página de ferramentas, essa é uma forma de cobrir as despesas fundamentais para o site funcionar (parte técnica e o material que eu uso pra criar o conteúdo). Então, nessa troca justa, você recebe algo feito com muito amor e eu ganho um incentivo pra continuar fazendo.

Disqus

casadocecasa

Wordpress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *