CONCEITO

Anima é derivada do latim e significava sopro, ar ou brisa. A partir daí, adquiriu o sentido de princípio vital ou alma.

Na teoria de Jung, “anima é o componente feminino da personalidade de todos os seres humanos.”

Na Grécia…

Existia o conceito de Psyque que definia o self (“si-mesmo”), abrangendo as idéias modernas de alma, ego e mente.

Psique é a personificação da alma humana e nas artes é representada por uma mulher com asas de borboleta.

Esse aqui do lado é O mito de “Cupido e Psique”, meu preferido da vida! E ele foi lindamente representado nessa escultura neoclássica feita por Antonio Canova.

Até hoje entende-se a borboleta como o símbolo da alma humana. E acima de qualquer coisa, ela é a representação máxima de transformação e crescimento pessoal.

 

E também da capacidade de olhar para a vida de uma forma mais leve, despreocupada e alegre. Ela nos convida a transformar escuridão em crescimento.

Simbolismo

Na física existe uma teoria que fala sobre grandes mudanças causadas a partir de pequenas variações. O gráfico que representa esse efeito tem a forma do infinito ou de asas de borboleta.

Com isso em mente, repare na junção dos Ns invertidos…

A Annima é a minha alma concretizada em projetos, objetos e soluções.

Acredito que a criatividade seja algo presente em todos nós.
Ela faz parte da nossa essência, da nossa alma.

Por isso que esse site é mais do que só um blog de DIY… ele é o meu espaço infinito de transformação de ideias, onde junto design ao diy.

E através dele, da “minha alma”, meu maior objetivo é te ajudar e inspirar a ter uma vida mais craft. Por isso, aqui você encontra conhecimentos, metodologias e ferramentas para descobrir e aprimorar seu potencial criativo e desenvolver suas habilidades para fazer coisas incríveis com as próprias mãos.

Eu entrego as asas para você voar.